BEM VINDO

Gostaria de deixar claro que o evangelho de Jesus Cristo é para mim motivo de honra,“porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê...”(Rm 1:16). Tenho, porém, a cada dia, mais vergonha do evangelicalismo pregado nos púlpitos de algumas igrejas e vivido por muitos de seus membros.

O espírito mundano tem assolado e impregnado as mentes e corações do povo de Deus, como um mal que se alastra em todos os setores da vida religiosa: doutrina, liturgia, fé e padrões de conduta. A tal ponto que muitos crentes sinceros, mas negligentes quanto ao conhecimento das Escrituras, têm se deixado enredar “pela astúcia de homens que induzem ao erro” (ef 4:14).


ARQUIVOS DO BLOG

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Parábola dos dois construtores


Clique AQUI















PARÁBOLA DOS DOIS CONSTRUTORES
Texto: Mateus 7:24-27/Lucas 6:47-49; 1 Pedro 2:5 

No capítulo sete de Mateus Jesus ensinou as multidões acerca de muitas coisas como honestidade, sinceridade, fidelidade e concluiu alertando sobre a necessidade de ouvirem os seus ensinamentos e praticá-los, deixando clara a existência de dois grupos de pessoas: as que ouvem e praticam, as quais Ele chamou de prudentes e àquelas que ouvem e não cumprem, as quais classificou como néscias.

Vamos analisar as características destes grupos tomando duas mulheres como exemplos e ao final verificaremos a que grupo pertencemos.

1. A MULHER PRUDENTE

1.1. CONSTRUINDO SOBRE A ROCHA
“Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as pratica será comparado (é semelhante) a um homem prudente que (cavou, abriu profunda vala e lançou o alicerce) edificou a sua casa sobre a rocha;” Mateus 7:24

O ALICERCE É JESUS CRISTO
Esta mulher arrependeu-se verdadeiramente de seus pecados, creu e confiou em Jesus como seu Salvador. Foi selado com o Espírito Santo de Deus (Ef 1.13), abandonou a prática do mal, odeia tudo que é pecaminoso e ama o que é bom. É praticante da Palavra.

A PALAVRA
A mulher prudente conhece a Palavra de Deus e é Ela que a ensina, repreende, corrige e educa em toda a justiça (2 Tm 3.16). Ela não se deixa iludir pelos desejos de seus olhos, mas sim, busca os conselhos e orientações que vêm da meditação e da direção do Senhor. Busca o que é melhor para sua família e a beleza somente será importante se estiver dentro dos critérios de qualidade e segurança.

ORAÇÃO
Tem uma vida de oração e intimidade com Deus (Fp 4.6). Antes de tomar decisões busca a direção do Senhor, entregando em Suas mãos os desafios e espera a resposta.

FÉ OPEROSA
Sua fé é demonstrada pelas obras que pratica (1 Ts 1.3). Hebreus 11.33 nos mostra exemplos de crentes cuja fé foi demonstrada pelas suas obras. Esta mulher vai amar o serviço do Senhor, pois é isso que passaremos a eternidade fazendo (Ap 22.3). E, acima de tudo, esta mulher será uma boa auxiliadora de seu marido, estando em submissão e harmonia, sempre buscando a conciliação e o que é melhor para seu esposo e filhos.

ESPERANÇA
Aguarda e anseia estar na presença do Senhor eternamente e vive preparada para responder a todos quantos pedirem razão dessa esperança. Tem amor pelas almas perdidas e está sempre disposta a compartilhar o plano da Salvação.

1.2. TEMPOS DE PROVAÇÃO
“e caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram com ímpeto contra aquela casa,
que não caiu (não a pôde abalar), porque fora edificada sobre a rocha (bem construída).” Mateus 7:25

Sua religião não a desampara nos momentos de doenças, tristezas, pobreza, desapontamentos, perseguições, morte. A amargura não faz parte de sua personalidade. Sua alma permanece inabalável, nada pode lhe tirar o conforto, o consolo. Sua fé não cede terreno para o desespero.

Sua vida foi construída de fé em fé, tijolo a tijolo, tribulações em tempos passados, esforço, lágrimas. Já gastou tempo em leituras, orações. E agora... colhe as recompensas.

SOFRIMENTO DO JUSTO
Não temos a intenção de analisar mais profundamente o problema do sofrimento do justo. Isso pode ser feito em ocasião mais oportuna, pois levaria muito tempo para ser estudado. Primariamente, sempre que se vê o justo padecer dores, muitos pensam que é disciplina do Senhor e muitas vezes pode ser verdade. Mas existem outros exemplos nas Escrituras e citaremos alguns para deixarmos claro que ao padecermos, as nossas atitudes estarão testificando de Deus. 
• Testemunha de Cristo: Em 1 Coríntios 4:1-2 Cristo nos chama para sermos Suas testemunhas:
“ assim, pois, importa que os homens nos considerem como ministros de Cristo e despenseiros dos mistérios de Deus. Ora, além disso, o que se requer dos despenseiros é que cada um deles seja encontrado fiel". 
E mais.
• Testemunha fiel diante de Satanás:
Jó era homem “íntegro e reto” (Jó 1.8) – e foi fiel a Deus diante do acusador de nossas almas.
• Testemunha fiel diante dos Anjos:
1 Co 4.9 - porque a mim me parece que Deus nos pôs a nós, os apóstolos, em último lugar, como se fôssemos condenados à morte; porque nos tornamos espetáculo ao mundo, tanto a anjos, como a homens.
Efésios 3:10 - para que, pela igreja, a multiforme sabedoria de Deus se torne conhecida, agora, dos principados e potestades nos lugares celestiais,
• Testemunha fiel diante dos incrédulos:
1 Pedro 4:15-16 - não sofra, porém, nenhum de vós como assassino, ou ladrão, ou malfeitor, ou como quem se intromete em negócios de outrem; mas, se sofrer como cristão, não se envergonhe disso; antes, glorifique a Deus com esse nome.
• Testemunha fiel diante dos crentes:
Colossenses 1:24 - agora, me regozijo nos meus sofrimentos por vós; e preencho o que resta das aflições de Cristo, na minha carne, a favor do seu corpo, que é a Igreja;

2. A MULHER INSENSATA

2.1. CONSTRUINDO SOBRE A AREIA
“e todo aquele que ouve estas minhas palavras e não as pratica será comparado (é semelhante) a um homem insensato que edificou a sua casa sobre a areia (sem alicerces)” Mateus 7:26

O ALICERCE É SEU EGO
Esta mulher nunca rompeu verdadeiramente com o pecado e seu espírito permanece mundano. Não tem comunhão com Cristo, apena O segue “de longe”. Ela fundamenta sua vida nos próprios pensamentos e juízos de valores. Tem seu código de ética e conduta pessoal e acredita ter sempre razão.

A PALAVRA
Para a mulher insensata a Bíblia não passa de um amuleto de sorte onde ela pode encontrar versículos em ocasião oportuna. Mas absolutamente nunca algo a ser obedecido e cumprido, pois não crê que seja a Palavra de Deus.

SUA RELIGIÃO
Sua Religião não lhe custou nada. Não negou a si mesma, nem abandonou nada para seguir a Cristo. Contenta-se em ouvir os Sermões e aprovar – é uma espectadora do evangelho.

2.2. TEMPOS DE PROVAÇÃO
“e caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram com ímpeto contra aquela casa,
e ela (logo) desabou, sendo grande a sua ruína ( idéia como de uma brecha numa barragem de um açude)”  Mateus 7:27

Para a mulher insensata felicidade é sinônimo de beleza, saúde e dinheiro. Qualquer mudança nessas condições a deixa completamente desnorteada. Os problemas não serão encarados como obstáculos a serem vencidos e superados em família, com cumplicidade, compreensão, paciência. Ela será a primeira a entrar em pânico. Não servirá de apoio ao esposo, nem de conforto para os filhos.

Quando vêm as primeiras tribulações sua religião a desampara completamente. Junto com os problemas ela desfalece, cai, desanima - “ se desvia”. É um escândalo para a Igreja. Servirá de escárnio – zombaria para o mundo incrédulo – é uma infelicidade para si mesma!

3. Sobre QUE ALICERCE você está edificando sua vida?
“ Também vós mesmos, como pedras que vivem, sois edificados casa espiritual para serdes sacerdócio santo, a fim de oferecerdes sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por intermédio de Jesus Cristo.” 1 Pedro 2:5
4. Se é SOBRE A ROCHA, que tipo de material está usando na construção?
 “contudo, se o que alguém edifica sobre o fundamento é ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha, manifesta se tornará a obra de cada um; pois o dia a demonstrará, porque está sendo revelada pelo fogo; e qual seja a obra de cada um o próprio fogo o provará.”  1 Coríntios 3:12-13

Amém!